Sessão Itinerante da Câmara de Santa Inês é realizada da CDL

por sti publicado 04/08/2016 01h18, última modificação 04/08/2016 01h18
Vereadores debateram entre outros assuntos o desabastecimento de água no município.

Os Vereadores de Santa Inês se reuniram nesta sexta-feira (23), no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas- CDL para a sessão semanal. Os encontros estão sendo realizados em locais distintos, em função da reforma do plenário da câmara, que deve ser concluída no mês de novembro.

As sessões itinerantes estão sendo realizadas nos bairros e na zona rural do município, oportunidade que a população tem para reivindicar e cobrar melhorias da administração pública municipal por meio dos vereadores.

Na reunião desta semana além dos requerimentos e indicações, dois projetos de lei entraram em pauta, o PL nº 18, de autoria da vereadora Solange Nerval, que denomina de Cemitério São João, o cemitério localizado no povoado Encruzilhada, na Br 222, KM 04, zona rural de Santa Inês e o PL nº 19, de autoria dos vereadores Akson Lopes e Madeira de Melo que declara de utilidade pública o Instituto Educacional Ana Paula Costa Oliveira Andrade, localizado na Vila Militar.

 Entre os assuntos em pauta, o desabastecimento de água em Santa Inês foi um dos pontos bastante debatidos; de acordo com o vereador Madeira de Melo, a Caema dispõe de um recurso de mais de dois milhões e meio de reais para resolver o problema, mas questões burocráticas estão atrapalhando o processo, a aquisição de um terreno para perfuração de um poço de grande vazão seria a solução, o vereador sugeriu ainda um movimento para a criação do “Maranhão do Norte”, que seria uma forma de atrair mais investimentos e força politica para resolver as necessidades dos municípios que estão nessa região do estado e segundo o vereador são desfavorecidos pelo poder público.

Com relação ao terreno para a construção do poço artesiano, ainda durante a sessão, o vereador Ademarzinho, anunciou que o Prefeito Ribamar Alves havia se manifestado, dizendo que o município vai doar a área para a companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão – CAEMA.

Já o Presidente do Legislativo, Orlando Mendes, sugeriu um requerimento assinado por todos os vereadores, pedindo agilidade na inauguração do hospital Macrorregional de Santa Inês, Orlando destacou a necessidade de uma unidade médica de grande porte, equipada com o que há de mais moderno, com especializações em varias áreas da medicina, para atender a população do município e toda região. “O hospital está pronto, temos que cobrar das autoridades competentes o funcionamento imediato para receber o povo que tanto precisa e carece desse atendimento especializado, vamos unir forças e correr atrás desse objetivo”. Pontuou Mendes.

Estiverem ainda participando da Sessão os presidentes da Câmara de Dirigentes Lojistas-CDL, João Nojosa, da Associação Comercial de Santa Inês Fernando Vicente e o presidente da Associação dos Camelôs, Maycon Pereira da Costa , todos fizeram uso da palavra. A criação do Dia Municipal do Camelô acabou entrando em pauta e ficou definido que o 6 de novembro será dedicado aos trabalhadores informais.

Orlando Mendes encerrou a sessão agradecendo a participação da comunidade e anunciando a próxima reunião para sexta-feira às 17 horas no Povoado Barro Vermelho, zona rural do Município.

ASCOM - Gilciléa Marques 

error while rendering plone.comments